Correio da Cidadania

Um passado de contribuição para o desenvolvimento do país e melhorias na vida dos trabalhadores; um presente de cegueira de seus dirigentes.

Queda nas condições de vida já são visíveis, mas esquerda erra ao achar que governo ruirá naturalmente.

Pode estar sendo aberta a caça por novos tipos de isenção ou atropelos aos direitos constitucionais pétreos de militantes.

Economistas parecem precaver-se da responsabilidade dos resultados das políticas implementadas por seu representante no governo.

Mesmo que o PIB brasileiro cresça esses 2,5% em 2020, isso representará a continuidade da patinação econômica do país.

Alguns dados sobre a desigualdade chilena e a réplica de seu modelo econômico no Brasil avisam o que está por vir.

Talvez seja possível considerar que algumas figuras de alto coturno se dedicaram a um estudo mais intenso do famoso general chinês.