0
0
0
s2sdefault

O puritanismo moreano destruiu os “players” do Brasil e ficamos sabendo que precisamos de agroecologia.

0
0
0
s2sdefault

Olhando a árvore o sucesso da Transposição está garantido, olhando a floresta os problemas continuam e se acumulam.

0
0
0
s2sdefault

Pescadores e índios não encontrariam mais a Aparecida em suas redes, simplesmente porque nem é possível mais pescar naquelas águas.

0
0
0
s2sdefault

O mundo iluminou-se de esperanças. Hoje, cem anos mais tarde, sombras espessas ameaçam-nos com uma noite sem fim.

0
0
0
s2sdefault

O despertar das mulheres, coincidindo com uma das maiores crises internacionais do capitalismo, pode ser esperança de uma nova etapa, desta vez pacífica.

0
0
0
s2sdefault

O trabalho das mulheres, como historicamente determinado, aponta um caminho para a urgente redefinição da categoria de trabalho.

0
0
0
s2sdefault

Enquanto o mundo observa o aumento da xenofobia e popularização das propostas de extrema-direita, com forte discurso anti-imigração, foi aprovada na Câmara dos Deputados a Nova Lei de Migração. Sobre ela, falamos com Paulo Amâncio, ex-coordenador do Centro de Referência e Acolhida, ligado à Igreja Católica e que atende quase 1000 imigrantes por semana em São Paulo.

0
0
0
s2sdefault

Após um ano de crise em todas as esferas públicas, o Brasil vive um 2017 que não faz outra coisa senão acrescentar novas crises ao pacote, a exemplo da falência dos estados e da violência desatada dentro dos presídios e também nas ruas do Espírito Santo. Em meio a isso, a Lava Jato prossegue seus trabalhos. Para comentar o papel da operação, entrevistamos um dos idealizadores do projeto de lei da Ficha Limpa, Chico Whitaker.

0
0
0
s2sdefault

A reversão do único progresso social verificado na redemocratização escancara, de uma vez, a natureza e o colapso do regime dela resultante.

0
0
0
s2sdefault

Não se discutem opções e fontes de financiamento para pagar as aposentadorias de quem cumpriu suas obrigações.

0
0
0
s2sdefault

O professor da USP Áquilas Mendes argumenta que a questão tem mais contradições do que a polêmica faz parecer.

0
0
0
s2sdefault

Lula no governo em 2019, tal como fez no passado, não se empenhará para revogar qualquer das medidas de Temer.