0
0
0
s2sdefault

A água como negócio é algo que precisa ser combatido agora mesmo. Dizer não à privatização é urgente e necessário.

0
0
0
s2sdefault

O povo assinou o certificado de óbito do monopólio bipartidário, que assumiu o poder em nossa democracia mediada na Guerra Fria.

0
0
0
s2sdefault

Diálogo com antiga oposição e Consulta Popular criam dúvidas sobre “Revolução Cidadã” e desafiam a força de Correa.

0
0
0
s2sdefault

As reformas não são ruins, mas elas devem apontar ao coração do sistema.

0
0
0
s2sdefault

Candidatura de Gustavo Petro representa décadas de luta pela verdadeira paz, contra forças conservadoras que continuam buscando a guerra.

0
0
0
s2sdefault

Vitória do Sim no referendo marca novo ciclo e obriga Rafael Correa a reinventar um polo político para 2021.

0
0
0
s2sdefault

O país está arruinado e a única chance de Maduro é convocar eleições sérias.

0
0
0
s2sdefault

No campo e na cidade, o avanço das direitas e a incapacidade de articulação das esquerdas são traços desta conjuntura, sobre a qual entrevistamos Raúl Zibechi, jornalista e cientista político uruguaio que estuda movimentos sociais de todo o continente.

0
0
0
s2sdefault

O campo reformista consentido é – na presente conjuntura – a variável mais interessante do sistema político cubano.

0
0
0
s2sdefault

Situação segue inconciliável: oposição não quer encarar urnas e Conselho Eleitoral questiona decisão da Assembleia Constituinte.  

0
0
0
s2sdefault

O uso instrumental da democracia – sob o pressuposto de que importante é a mudança social – é similar ao das direitas.

0
0
0
s2sdefault

Além das condições de subsistência, argentinos se deparam com dúvidas sobre sua própria democracia.