topleft
topright
ISSN 1983-697X

Boletim Diário

Email:
Para assinar o boletim de
notícias preencha o
formulário abaixo:
Nome:

Brasil nas Ruas

Confira os artigos sobre manifestações e movimentos sociais no Brasil.

Arquivo - Artigos

Áudios

Correio da Cidadania, rádio Central 3 e Revista Vaidapé fazem “debate autônomo” sobre as eleições  

Leia mais...
Image

Plinio de Arruda

MEMÓRIA

Confira os textos em homenagem a Plinio


Leia Mais

Plinio em Imagens



Confira a vida de Plínio


Charge


Imagem




Artigos por data

 Sep   October 2016   Nov
SMTWTFS
   1
  2  3  4  5  6  7  8
  9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031 
Julianna Walker Willis Technology

Links RSS

Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania

Áudios - Arquivo

AumentarDiminuirVoltar ao original
O Natal Imprimir E-mail
Escrito por Plínio de Arruda Sampaio   
Sexta, 23 de Dezembro de 2011
Recomendar


Pois que inaugurando essa criança
Pensam os homens
Reinaugurar a sua vida
E começar novo caderno.
Que o entusiasmo conserve vivas suas molas
Possa enfim o ferro comer a ferrugem
O sim comer o não.

João Cabral de Melo Neto

 

Todos os anos festejamos o nascimento de Jesus de Nazaré.

 

Por que um homem obviamente religioso pode interessar a qualquer ser humano?

 

Por que ele é uma figura importante mesmo para aqueles que não têm a estranha experiência que se chama fé?

 

Por que continua presente na memória da humanidade?

 

A chegada de Cristo veio perturbar o equilíbrio do universo pagão, rompendo a lógica circular da vingança e da punição.

 

Poder e glória, buscados pela humanidade desde sempre, a têm conduzido à vertigem do abismo da violência e da frustração.

 

A novidade do Cristo vai na contramão da história e nos propõe a reversão do ordenamento tradicional da sociedade.

 

Em lugar da força e da opressão, o Amor.

 

Repensemos a relevância desse personagem histórico para qualquer pessoa que procura dar um sentido à vida. Como homem, Jesus Cristo tem os mesmos componentes que conformam nossa existência e nos fala a partir deles.

 

Ele apostou sua existência inteira em um determinado valor absoluto e isto o faz significativamente presente na memória da humanidade. Trata-se de quebrar antigas leis, numa “transgressão de amor”.

 

Plínio de Arruda Sampaio é diretor do Correio da Cidadania.

Recomendar
Última atualização em Qui, 22 de Dezembro de 2011
 

A publicação deste texto é livre, desde que citada a fonte e o endereço eletrônico da página do Correio da Cidadania




Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.


Vídeos

A Ordem na Mídia

Eugênio Bucci: “precisamos de um marco regulatório democrático na comunicação”


Há uma falência nos modelos de negócios refletida nas relações trabalhistas, na concentração de propriedade, formação de monopólios e oligopólios e no aparelhamento por parte de igrejas e partidos. Entrevistamos Eugênio Bucci, jornalista e professor da ECA-USP, que afirmou a necessidade de um marco regulatório democrático para fortalecer a democracia no Brasil.
Leia mais...


Brasil_de_fato
Adital
Image
Image
Banner_observatorio
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Diario Liberdade

Espaço Cult

Image
Image
Revista Forum
Joomla Templates by JoomlaShack Joomla Templates