O Grupo

 

Mary McCarthy (que não tem nada a ver com o famigerado senador do mesmo sobrenome) é considerada uma das maiores escritoras dos Estados Unidos. Nos anos 60, ela apontou seu poderoso intelecto e seu afiadíssimo senso crítico na direção da elite de dinheiro daquele país.

 

O cenário escolhido foi uma escola de moças denominada Vassar. Não por acaso: uma das marcas das elites de dinheiro e de poder em todo o mundo, e mais ainda nos Estados Unidos, consiste em demarcar claramente as fronteiras de seu círculo social. Existem diversas formas de fazê-lo. Uma delas é através da educação escolar.

 

Nos Estados Unidos, quem é rico – mas rico mesmo – manda as filhas para Vassar e os filhos para Groton. É o cartão de apresentação desses jovens para os círculos econômicos, sociais, políticos e acadêmicos da cúpula do establishment e para os casamentos entre eles.

 

Quem vai para Vassar ou Groton geralmente completa os estudos em Harvard, Yale ou alguma outra das cinco principais universidades da Ivy League e geralmente se casa com uma jovem de Duke, Purdue Princeton ou Cornell. Por isso, as duas escolas são objeto dos sonhos de todos os "social climbers" quando pensam no futuro de seus filhos.

 

‘O Grupo’ conta as histórias de um grupo de colegas dessa famosa escola após a crise de 1929. McCarthy mostra como o mundo de Vassar foi devastado pela crise e como os sobreviventes reconstruíram suas vidas no período do New Deal.

 

A narrativa penetra fundo na psicologia dessas moças e revela a aridez afetiva da sociedade capitalista e - no meio da decadência econômica e moral dos personagens - o quanto de libertador vinha junto com a perda de toda aquela opulência.

 

‘O Grupo’, entretanto, é mais do que uma história social. O bisturi afiado de McCarthy usa o drama das meninas de Vassar para explorar a fundo alguns aspectos mais sombrios da alma humana.

 

Em tempos de crise econômica mundial, a leitura de’ O Grupo’ fornece importantes chaves interpretativas para a realidade que estamos vivendo, porque a crise atual, em essência, reproduz o mesmo processo de 1929, com oitenta anos de diferença.

 

Ficha:

 

livro_ogrupo_marymac.jpgTítulo: O Grupo

Autora: Mary McCarthy

Ano: 1981.

Editora: Abril

Número de Páginas: 366

 

{moscomment}

Comentários   

0 #2 Paulo Batista 08-05-2009 09:51
Realmente, essa resenha vale a compra do livro.Deu um ideía bem legal do livro. Vou atrás.
Citar
0 #1 O GrupoRenato 15-04-2009 18:23
Adorei o artigo sobre literatura. Vou tentar encontrar esse livro.

Gracias!

Renato
Citar

Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.

Relacionados