topleft
topright
ISSN 1983-697X

Boletim Diário

Email:
Para assinar o boletim de
notícias preencha o
formulário abaixo:
Nome:

Brasil nas Ruas

Confira os artigos sobre manifestações e movimentos sociais no Brasil.

Arquivo - Artigos

Áudios

Correio da Cidadania, rádio Central 3 e Revista Vaidapé fazem “debate autônomo” sobre as eleições  

Leia mais...
Image

Plinio de Arruda

MEMÓRIA

Confira os textos em homenagem a Plinio


Leia Mais

Plinio em Imagens



Confira a vida de Plínio


Charge


Imagem




Artigos por data

 Nov   December 2016   Jan
SMTWTFS
   1  2  3
  4  5  6  7  8  910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Julianna Walker Willis Technology

Links RSS

Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania

Áudios - Arquivo

AumentarDiminuirVoltar ao original
O Saneamento e a Tartaruga Imprimir E-mail
Escrito por Roberto Malvezzi   
Segunda, 22 de Setembro de 2008
Recomendar

 

O Saneamento Brasileiro e a Tartaruga fizeram uma aposta: até o final do século XXI iriam disputar quem chegaria mais longe.

 

A Tartaruga, em seus rápidos e longos passos, menosprezou a lerdeza do Saneamento e ainda tirou um cochilo sob vários governos. Jurava que iria ser ultrapassada pelo Saneamento. Quando acordou, descobriu que Fernando Henrique tinha considerado o Saneamento como despesa pública e não como investimento. Então, por sugestão do Banco Mundial, não aplicou um tostão no Saneamento. Era a lógica do precarizar para privatizar. A Tartaruga olhou para trás e descobriu que o Saneamento nem apontara na curva.

 

Então veio o Lula e o Saneamento, envergonhado de perder uma corrida para uma Tartaruga, pensou:

 

- Agora ganho essa corrida.

 

Promessas havia muitas, afinal, o financiamento do Saneamento está garantido por lei, podendo usar os recursos do Fundo de Garantia do Trabalhador, ou seja, o FGTs. Porém, de repente sai uma pesquisa e podemos conferir que o Saneamento ainda está perdendo para a Tartaruga. Apenas 51 % dos lares brasileiros têm acesso ao Saneamento. Mesmo assim, nem comentam quanto desse esgoto coletado é tratado antes de ser despejado nos rios. Mas nós já sabemos: 80% do esgoto coletado infectam diretamente nossos humilhados rios.

 

A ONU já disse que, para cada dólar investido no Saneamento, quatro dólares são poupados na saúde. Portanto, muito ao contrário do que pensa o Banco Mundial e Fernando Henrique, o Saneamento é investimento e não despesa.

 

O problema é que Lula, nessa questão, não pensa e não age muito diferente de Fernando Henrique. O segundo gosta de se comparar ao primeiro sempre em termos quantitativos, jamais qualitativos. Porém, na disputa entre o Saneamento e a Tartaruga, está difícil saber quem chegará por último.

 

Roberto Malvezzi (Gogó) é coordenador da CPT – Comissão Pastoral da Terra

 

Recomendar
Última atualização em Segunda, 22 de Setembro de 2008
 

A publicação deste texto é livre, desde que citada a fonte e o endereço eletrônico da página do Correio da Cidadania




Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.


Vídeos

Índios Munduruku: Tecendo a Resistência

Imagem

Documentário sobre as resistências indígenas às hidrelétricas do Tapajós
Leia mais...

A Ordem na Mídia

Eugênio Bucci: “precisamos de um marco regulatório democrático na comunicação”


Há uma falência nos modelos de negócios refletida nas relações trabalhistas, na concentração de propriedade, formação de monopólios e oligopólios e no aparelhamento por parte de igrejas e partidos. Entrevistamos Eugênio Bucci, jornalista e professor da ECA-USP, que afirmou a necessidade de um marco regulatório democrático para fortalecer a democracia no Brasil.
Leia mais...


Brasil_de_fato
Adital
Image
Image
Banner_observatorio
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Diario Liberdade

Espaço Cult

Image
Image
Revista Forum
Joomla Templates by JoomlaShack Joomla Templates