topleft
topright
ISSN 1983-697X

Boletim Diário

Email:
Para assinar o boletim de
notícias preencha o
formulário abaixo:
Nome:

Brasil nas Ruas

Confira os artigos sobre manifestações e movimentos sociais no Brasil.

Arquivo - Artigos

Áudios

Correio da Cidadania, rádio Central 3 e Revista Vaidapé fazem “debate autônomo” sobre as eleições  

Leia mais...
Image

Plinio de Arruda

MEMÓRIA

Confira os textos em homenagem a Plinio


Leia Mais

Plinio em Imagens



Confira a vida de Plínio


Charge


Imagem




Artigos por data

 Nov   December 2016   Jan
SMTWTFS
   1  2  3
  4  5  6  7  8  910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Julianna Walker Willis Technology

Links RSS

Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania

Áudios - Arquivo

Edição 992 – Edição Retrospectiva – 21/12/2015 a 06/01/2016
Arquivos do Correio
Segunda, 04 de Janeiro de 2016
Recomendar

 

 

Crise de 2015 inaugura impasse histórico no Brasil

Por Valéria Nader e Gabriel Brito, da Redação

 

alt

2015 entrará na história como algo próximo de um ano que não existiu, nos mais diversos âmbitos, marcado por variados e regulares momentos de estupefação nacional. “Fim de ciclo” e “vazio político” foram algumas das tentativas de definir todo o corolário de crises que se acumularam e agora estouram, a ponto de tornar quase invisível qualquer horizonte próximo de sua superação. Sobre esse complexo e desafiador momento histórico, o Correio da Cidadania entrevistou o historiador Mario Maestri, que não poupou palavras para descrever o momento e seus tristes protagonistas. GN_break GN_break “A direita tradicional entendeu que era o momento ideal de virar a página e se desfazer dos administradores-delegados petistas, em prol de administração direta conservadora. Não quer mais o muito que recebia - quer, agora, tudo, ainda mais com a diminuição do bolo com a crise”, afirmou, a respeito da tensão em torno do impeachment, que praticamente monopolizou as atenções políticas do ano. Leia a entrevista exclusiva.

 


 

EDITORIAL


Impeachment Claustrofóbico

 

Dezembro de 2015. O Brasil chega ao final do primeiro ano do segundo mandato da presidente Dilma Rousseff em meio a uma das mais profundas crises do país. Política, econômica, social, ética, ambiental. Crise, além do mais, permeada por uma lógica perversa, aprofundada após a chegada do Partido dos Trabalhadores ao poder: a lógica do “nós contra eles”, por muitos apelidada como “Fla-Flu”.

 


 

POLÍTICA


Por que a esquerda tem mais razões do que a direita para ser a favor do impedimento de Dilma e da punição de Lula?

Por Reinaldo Golçalves

 

A esquerda perdeu a aposta. Mais do que uma derrota, a opção Lula foi um grave erro estratégico. O processo de reconstrução da esquerda brasileira ainda não começou e será longo, muito longo (duas décadas, talvez). Esse artigo objetiva ser uma contribuição para esse processo.

 


 

“É hora de organizar o partido das lutas reais”

Por Alexandre Haubrich

 

Diante do encerramento de um ano conturbado, sob o signo de uma infinidade de crises, apressa-se uma análise geral de todo o complexo quadro político e a reflexão de suas causas. Para isso, publicamos a entrevista com Plínio de Arruda Sampaio Jr, economista e professor da Unicamp.

 


 

2015, um ano turbulento

Por Wladimir Pomar

 

Os resultados do “desajuste” governamental no desenvolvimento econômico e nas políticas sociais tornaram-se cada vez mais evidentes. Nessas condições, em termos econômicos, 2015 se pareceu cada vez mais com 1998.

 


 

2015, um ano amargo para o povo trabalhador, porém, de esperanças com e para as novas gerações

Por Waldemar Rossi

 

Os reacionários não se deram por vencidos e tentarão repetir a traição praticada contra a juventude, pela então secretária da Educação dos tempos de Covas, Rose Neubauer. A guerra não acabou também para essas novas gerações que vão fazendo seu aprendizado e descobrindo que podem ser os protagonistas das mudanças que o país tanto necessita.

 


 

Presentes de Natal

Por Frei Betto

 

Neste Natal, não me presenteiem com a insensatez nacional. Recuso blefes de linguagem cívica, rosas murchas de jardins ressecados, abraços vazios de coração. Ando saturado dos discursos desgramatizados da ética.

 


 

Perigos e origens do refluxo das esquerdas políticas e sociais

Por Milton Temer

 

É indiscutível, para quem viveu o fim do autoritarismo sob tutela militar que uma diferença fundamental se registra. Ela é, indiscutivelmente, o retrocesso brutal na capacidade de mobilização das esquerdas.

 


 

Do sucesso de Hori ao fracasso de Raul: conjuntura, carisma e coronelismo na política de Jaboticabal

Por Murilo Gaspardo

 

Inspirado em “Coronelismo, Enxada e Voto”, de Victor Nunes Leal, e outras contribuições sobre a formação do Estado, especialmente do brasileiro, pretendo fazer algumas reflexões sobre a história política recente de Jaboticabal (SP).

 



A democracia verdadeira

Por Claudionor Mendonça dos Santos

 

É necessário resgatar o conceito de democracia. Tal sistema não pode abranger os absurdos por que passa a sociedade brasileira.

 


 

BRASIL NAS RUAS

 

Ocupação nas escolas de São Paulo: uma experiência libertária

Por Guga Dorea

 

Vejamos o que disse uma estudante do Alves Cruz, onde estudam meus filhos: “ocupamos justamente porque o Alves Cruz não é uma escola modelo. E também não gosto que pensem que somos uma escola modelo”.

 


 

SOCIAL


Em solidariedade e apoio ao Movimento Secundaristas em Luta de Goiás

Por Frei Marcos Sassatelli

 

Não podemos permitir que – em nome de uma falsa eficiência administrativa – as Escolas Públicas sejam “invadidas” pela cultura do sistema capitalista neoliberal.

 


 

Apagou-se

Por Rafael Castilho

 

Desistiram da Nova Luz. Demoliram meia dúzia de prédios. Até a Rodoviária antiga. Mas para os especuladores imobiliários o esquemão não rolou. Muito triste o incêndio no Museu. O povão gostava muito de lá.

 


 

ECONOMIA

 

O Lulismo em xeque

Por Paulo Passarinho

 

O ano de 2015 entrará para a história como o marco da capitulação final do lulismo aos setores que determinam a hegemonia da economia brasileira desde os anos 1990.

 


 

Retrospectiva 2015

Por Guilherme C. Delgado

 

De 2014 a 2015 o déficit nominal pula de menos de 5 pontos percentuais do PIB para mais de 9, impelido pela despesa financeira, que praticamente dobra de 4,5% para 9 pontos percentuais do PIB, verdadeira caixa preta, que não desperta a menor curiosidade midiática para dissecá-la.

 


 

A economia brasileira em 2015: fortes decepções

Por Jurandyr O. Negrão

 

A arrecadação de impostos desabou (deverá recuar quase 5% no ano, descontada a inflação), dando razão, mais uma vez, à tese de que tentar fazer ajuste fiscal em ambiente recessivo é como enxugar gelo.

 


 

Ética e petróleo

Por Paulo Metri

 

O que aconteceu no setor petrolífero neste ano que finda foi somente mais do que sempre ocorreu. As petrolíferas estrangeiras insistiram em avançar sobre as nossas jazidas, em especial, sobre o Pré-Sal.

 


 

INTERNACIONAL

 

Quem quis o Estado Islâmico? Quem o protege? Quem, ainda, precisa dele?

Por Achille Lollo, de Roma, para o Correio da Cidadania

 

Os principais serviços de inteligência do Ocidente e do Oriente Médio têm trabalhado bastante para garantir a organização do Estado Islâmico, além de promover um rápido crescimento e uma insuspeitável afirmação militar.

 


 

Trump sabe o que diz

Por Luiz Eça

 

Há muito método na aparente loucura de Donald Trump. Aparentemente, os fatos estão demonstrando que Trump é um pragmático supereficiente, sem escrúpulo algum, mas eficiente, e segue liderando a corrida pela candidatura republicana, com 30%, o dobro do segundo preferido.

 


 

Estados Unidos: sem avanço no Oriente Médio

Por Virgílio Arraes

 

Em suma, os ganhos obtidos pela política externa de Barack Obama não viriam da área onde o país tem robusto apego, em decorrência da fartura de fontes de energia, mas da América Latina, por causa da progressiva derrocada de regimes populistas.

 


 

Acordo de Paris e mudanças climáticas: aplausos errados

Por Eduardo Gudynas e Gerardo Honty

 

Os grandes exportadores de petróleo e até as corporações globais, todos eles, terminaram aplaudindo o acordo parisiense. Se estes atores celebram o convênio, é porque sem dúvida não está pondo limites à civilização petroleira.

 


 

Retrospectiva 2015 e prospectiva 2016

Por Ramez Philippe Maalouf

 

O ano de 2015 foi marcado pelo contraste entre o despotismo imperial-liberal-totalitário dos EUA sobre o mundo e a cada vez mais evidente limitação do poder russo. No ano que está terminando, comprovou-se mais uma vez que não há linhas vermelhas ao poder global estadunidense.

 


 

MEIO AMBIENTE

 

‘Na transposição do rio São Francisco a ideia é criar um mercado de águas’

Por Articulação do Semiárido

 

As estatísticas oficiais apontam que Sobradinho acumula apenas 3% de sua capacidade, o menor volume da história. “O São Francisco era um rio perene e de alguma forma ainda é, mas cada vez mais fragilizado”, comenta Roberto Malvezzi, uma das referências para falar sobre o rio no Brasil.

 


 

2015: o pior ano de todos (até aqui)

Por Rodolfo Salm

 

Imagino que quase todos os leitores, diante da trágica descrição, pensarão no rompimento da barragem da Samarco em Mariana, que devastou o rio Doce. Mas ela também vale para o Xingu em 2015. Nunca vi tanta destruição por aqui.

 


 

Se a radiação fosse vermelha...

Por Chico Whitaker

 

Em Angra 3, a corrupção levou a que a construção dessa usina se tornasse um atentado anunciado contra a Vida. Tudo se faça para que não ocorra. Mas se tivermos essa infelicidade ele será bem mais violento que o desmoronamento da barragem de Mariana.

 


 

CULTURA E ESPORTE

 

Confirmações

Por Gabriel Brito, da Redação

 

Obviamente, não podemos ser inocentes e acreditar que amáveis homens da lei saltaram da televisão para a vida real e vieram salvar o futebol de seus usurpadores.

 

 


 

 

 

 

Recomendar
 

A publicação deste texto é livre, desde que citada a fonte e o endereço eletrônico da página do Correio da Cidadania




Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.


Vídeos

Índios Munduruku: Tecendo a Resistência

Imagem

Documentário sobre as resistências indígenas às hidrelétricas do Tapajós
Leia mais...

A Ordem na Mídia

Eugênio Bucci: “precisamos de um marco regulatório democrático na comunicação”


Há uma falência nos modelos de negócios refletida nas relações trabalhistas, na concentração de propriedade, formação de monopólios e oligopólios e no aparelhamento por parte de igrejas e partidos. Entrevistamos Eugênio Bucci, jornalista e professor da ECA-USP, que afirmou a necessidade de um marco regulatório democrático para fortalecer a democracia no Brasil.
Leia mais...


Brasil_de_fato
Adital
Image
Image
Banner_observatorio
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Diario Liberdade

Espaço Cult

Image
Image
Revista Forum
Joomla Templates by JoomlaShack Joomla Templates