topleft
topright
ISSN 1983-697X

Boletim Diário

Email:
Para assinar o boletim de
notícias preencha o
formulário abaixo:
Nome:

Brasil nas Ruas

Confira os artigos sobre manifestações e movimentos sociais no Brasil.

Arquivo - Artigos

Áudios

Correio da Cidadania, rádio Central 3 e Revista Vaidapé fazem “debate autônomo” sobre as eleições  

Leia mais...
Image

Plinio de Arruda

MEMÓRIA

Confira os textos em homenagem a Plinio


Leia Mais

Plinio em Imagens



Confira a vida de Plínio


Charge


Imagem




Artigos por data

 Nov   December 2016   Jan
SMTWTFS
   1  2  3
  4  5  6  7  8  910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Julianna Walker Willis Technology

Links RSS

Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania

Áudios - Arquivo

Edição 977 – 07/09/2015 a 13/09/2015
Arquivos do Correio
Sábado, 12 de Setembro de 2015
Recomendar

 

Rio Grande do Sul expõe faceta estadual do ajuste econômico

Por Gabriel Brito, da Redação

 

alt

“A marca do Sartori é do caos e da destruição do Rio Grande do Sul. É um governo muito ruim, que se destaca por uma imagem popular, quando na verdade é forte no sentido de atacar direitos, como se vê agora, ao ameaçar trabalhadores. Penso que este governo vai destruir o estado se não tiver reação”. Depois de uma longa greve dos servidores paranaenses, agora a tensão entre governo e população foi mais ao sul. É disso que falamos com a professora Rejane Oliveira.

 


 

POLÍTICA

 

O papa e o aborto

Por Frei Betto

 

O que me intriga nos antiabortistas sectários é o fato de não condenarem, com o mesmo rigor, o comércio de armas, a pena de morte e as guerras. E, no Brasil, alguns ainda torcem pela redução da maioridade penal.

 


 

Nova ruralidade e velha concentração

Por Osvaldo Russo

 

As políticas sociais mudaram o panorama social no meio rural brasileiro. É preciso, no entanto, retomar o programa mais estruturante – o programa de reforma agrária – recuperando assentamentos, obtendo novas áreas e assentando novas famílias. A nova ruralidade, onde persistem graves conflitos, não prescinde da reforma agrária para reduzir as desigualdades, promover a justiça social e desenvolver o meio rural.

 


 

Crise de que e contra quem?

Por Milton Temer

 

Mantém-se a composição estrutural no espectro da sociedade. O que há, como nas crises anteriores, é um freio de arrumação para que, ao preço da quebra de alguns, a hegemonia se concentre em alguns outros. A crise existe é para nós, da esquerda, que contávamos com desafios imensos numa eventual vitória do PT em 2002, e nos vimos atropelados pela traição deslavada de tudo o que em duas décadas foi dito e produzido como proposta alternativa para a construção de uma nova ordem.

 


 

Pauta positiva de curto prazo

Por Wladimir Pomar

 

Voltamos a sugerir que o governo pratique um cavalo-de-pau em seu desajuste e adote um programa ou uma pauta de curto prazo, enquanto conclama as forças populares e progressistas a elaborarem as diretrizes de um projeto de longo prazo.

 


 

Europa colhe o que plantou

Por Frei Betto

 

As águas do Mediterrâneo sepultaram, de janeiro a agosto deste ano, 2.500 fugitivos da miséria e da violência, em busca de um pouco de pão e paz. Em 2014, 3.500.

 


 

Dia da pátria

Por Dom Demétrio Valentini

Realizado pela primeira vez em 1995, O Grito dos Excluídos vem marcando presença na promoção de manifestações populares, dentro do seu claro objetivo de resgatar para a cidadania a celebração do Dia da Pátria.

 


 

SOCIAL

 

Quem vai chorar a morte de Semião Vilhalva?

Por Fátima Lacerda

 

Quase ao mesmo tempo em que o corpinho de Aylan era encontrado nas areias de uma praia da Turquia, Semião Vilhalva, de 24 anos de idade, líder dos guarani kaiowá em Mato Grosso do Sul, aqui no Brasil, levava uma bala na cabeça, quando tentava retirar de uma zona de conflito seu filho de cinco anos. Mas essa foto não saiu nos jornais.

 


 

Grito dos(as) Excluídos(as) 2015

Por Frei Marcos Sassatelli

 

O tema do Grito dos(as) Excluídos(as), que chegou à sua 21ª edição, foi: “vida em primeiro lugar”. O lema deste ano de 2015 foi: “que país é este, que mata gente, que a mídia mente e nos consome?”

 


 

INTERNACIONAL

 

Guatemala: renunciou um genocida, mas por corrupção

Por Ilka Oliva Corado

 

O presidente não foi tirado pelo povo. Quem o tirou foi a CICIG (Comissão Internacional Contra a Impunidade na Guatemala), com aval do embaixador dos EUA. Precisam que esse povo urbano (perguntem ao camponês organizado e saberão o que sente o povo ferido) se sinta protagonista, que celebre, se sinta digno, poderoso, honesto, que sinta que cumpriu com seu dever moral e vote feliz. Que esqueça que com seu voto escolheu algo igual ou pior que a escória corrupta de Otto Pérez Molina. Que o mundo saiba que essa massa amorfa ainda segue negando o genocídio.

 


 

ECONOMIA

 

Pecado original

Por Raphael Sanz

 

Madalena – e toda sua geração nascida na metade do austero ano de 2015 – já veio ao mundo devendo 26 mil realidades. Esse é o pecado original que um dia terá de pagar. Que todos temos. Se tudo depender dos caminhos que nossa política está trilhando, teremos de nos adaptar a uma permanente penitência na forma de cortes de direitos, aumentos de impostos, entre outros. Ou então, se ainda estivermos dispostos a acreditar na tal democracia, podemos começar a por a nossa Constituição em prática, auditando a dívida.

 


 

E agora, José?

Paulo Metri

 

Eu me preocupo com o xará do senador, José da Silva, o brasileiro comum. Em um exercício de abstração, gostaria de ver o José Serra congressista na Noruega, propondo ao povo que seu petróleo do Mar do Norte fosse explorado da mesma maneira que ele prega ao nosso Pré-Sal.

 


 

 

Recomendar
Última atualização em Sábado, 12 de Setembro de 2015
 

A publicação deste texto é livre, desde que citada a fonte e o endereço eletrônico da página do Correio da Cidadania




Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.


Vídeos

Índios Munduruku: Tecendo a Resistência

Imagem

Documentário sobre as resistências indígenas às hidrelétricas do Tapajós
Leia mais...

A Ordem na Mídia

Eugênio Bucci: “precisamos de um marco regulatório democrático na comunicação”


Há uma falência nos modelos de negócios refletida nas relações trabalhistas, na concentração de propriedade, formação de monopólios e oligopólios e no aparelhamento por parte de igrejas e partidos. Entrevistamos Eugênio Bucci, jornalista e professor da ECA-USP, que afirmou a necessidade de um marco regulatório democrático para fortalecer a democracia no Brasil.
Leia mais...


Brasil_de_fato
Adital
Image
Image
Banner_observatorio
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Diario Liberdade

Espaço Cult

Image
Image
Revista Forum
Joomla Templates by JoomlaShack Joomla Templates