topleft
topright
ISSN 1983-697X

Boletim Diário

Email:
Para assinar o boletim de
notícias preencha o
formulário abaixo:
Nome:

Brasil nas Ruas

Confira os artigos sobre manifestações e movimentos sociais no Brasil.

Arquivo - Artigos

Áudios

Correio da Cidadania, rádio Central 3 e Revista Vaidapé fazem “debate autônomo” sobre as eleições  

Leia mais...
Image

Plinio de Arruda

MEMÓRIA

Confira os textos em homenagem a Plinio


Leia Mais

Plinio em Imagens



Confira a vida de Plínio


Charge


Imagem




Artigos por data

 Nov   December 2016   Jan
SMTWTFS
   1  2  3
  4  5  6  7  8  910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Julianna Walker Willis Technology

Links RSS

Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania

Áudios - Arquivo

Edição 968 – 06/07/2015 a 12/07/2015
Arquivos do Correio
Segunda, 13 de Julho de 2015
Recomendar

 

O 7 x 1 foi um ‘acidente’ apenas para quem se dá bem com a atual estrutura do futebol

Por Gabriel Brito, da redação

 

alt

Está tudo bem para os donos do jogo e o 7 x 1 foi um estorvo muito fora do previsto, um ponto muito fora da curva. Rola dinheiro como nunca para quem está dentro do circo e uma derrota por placar normal, ainda mais com o desfalque de Neymar, certamente estaria sendo vendida até hoje como obra do azar ou de “pequenos detalhes”, facilmente corrigíveis – “um apagão”, como diria a Comissão Técnica. Na mais implacável metáfora, deus mostrou que não é brasileiro. E, passado um ano, não nos acudiu.

 


POLÍTICA

 

Financiamento eleitoral por empresas: condição suficiente para não haver democracia

Por Otaviano Helene

 

Quem escolherá os financiados, em especial os beneficiários dos grandes financiamentos e, portanto, aqueles com maiores chances de serem eleitos, serão as altas direções, os grandes acionistas e os donos das empresas. À população caberá apenas pagar a conta e votar nos candidatos por eles escolhidos, convencidos pelas massacrantes propagandas a afirmarem que estarão votando corretamente.

 


 

Separar o joio do trigo

Por Otto Filgueiras

 

Afinal, são defensores do capitalismo internacional e tupiniquim os tucanos neoliberais, o pessoal da extrema-direita, a exemplo de Jair Bolsonaro, mas também vários petistas e gente pretensamente de esquerda, que se colocam contra os direitos das mulheres, LGBTs e são homofóbicos.

 


 

Respeito à Constituição

Por Dom Demétrio Valentini

 

Não há dúvida que estamos vivendo um momento de crise. É então que a tentação de burlar a Constituição se infiltra sorrateiramente, assume aparências de zelo democrático e veste a carapuça da legalidade para perpetrar seus intentos golpistas.

 


 

Um cenário preocupante

Por Wladimir Pomar

 

Está se tornando realidade o cenário dos sonhos que nem mesmo a direita, em seus maiores delírios, supunha possível. Nessas condições, já não basta um cavalo-de-pau na economia. Será necessário um cavalo-de-pau também na política.

 


 

Do ódio à esperança

Por Frei Betto

 

Resta à sociedade civil descruzar os braços e não esperar dos políticos no poder. É hora de arregaçar as mangas e reorganizar a esperança. Com meros protestos não sairemos dessa depressão cívica. Há que ter propostas.

 


 

A arte da tática no momento atual

Por Wladimir Pomar

 

Trata-se principalmente de enfrentar com sucesso a ofensiva da direita, desnudando sua verdadeira natureza antidemocrática e antipopular, e apresentando alternativas reais e viáveis. É um desafio idêntico ao que a esquerda enfrentou entre 1960 e 1964, e não conseguiu sucesso.

 


 

SOCIAL

 

Não à “terceirização” ou à “militarização” da Educação Pública

Por Frei Marcos Sassatelli

 

Para onde a educação pública está andando? Por que será que o governador Marconi Perillo quer militarizar as escolas? Será que ele pretende militarizar também a sociedade como um todo e transformá-la num grande batalhão?

 


 

25 anos do ECA: entre avanços e retrocessos

Por Ivan de Carvalho Junqueira

 

Em tempos obscuros e de curtas memórias, faz-se premente rememorar. Trata-se de um grande marco dirigido à infância e à juventude brasileira, analisadas, agora, sob o prisma da prioridade absoluta, na superação aos antigos Códigos de Menores, de 1927 e 1979. Tradicionalmente, “menor” é o “outro”; não os nossos filhos. O ECA, em sentido inverso, evoca uma mudança de paradigma, tendo por destinatário a totalidade de crianças e adolescentes.

 


 

Reduzir a maioridade é manter a exclusão social da juventude

Por Plínio Gentil

 

Parte dos defensores da redução da maioridade, aqueles que têm fácil acesso à grande imprensa, que vive da publicidade de ricos anunciantes, bem sabe que não serão os seus filhos adolescentes que arcarão com o peso da repressão penal, mas, sim, aqueles habitualmente excluídos e discriminados: jovens da periferia, vítimas de todo tipo de violência, inclusive policial e racial.

 


 

INTERNACIONAL

 

Grécia: um Referendo para renegociar a dívida ou se salvar de pagar a dívida?

Por Achille Lollo, de Roma para o Correio da Cidadania

 

É inegável que a vitória do NÃO no foi uma prova de renovada soberania por parte do povo grego. Ao mesmo tempo, será nesse contexto político que o governo deverá legitimar uma proposta ao FMI, detentor de quase 70% dos títulos soberanos da dívida grega. Uma proposta que o FMI poderá encampar dá um desconto de aproximadamente 30%, pagável em 20 anos. Em troca, o governo de Tsipras deverá fazer muito mais do que realizaram Renzi, Portas e Rajoy.

 


 

Obama: sim, podemos!

Por Atílio Boron

 

Do lado norte-americano se diz que o Congresso não acompanha as políticas da Casa Branca e que cria obstáculos para o avanço do processo de normalização. Entretanto, uma equipe de advogados estadunidenses demonstrou que existe um amplo campo de atribuições nas mãos do executivo e que se Obama quisesse poderia impulsionar algumas decisões que reduziriam significativamente os perniciosos efeitos do bloqueio.

 


 

Venezuela: o sonho está acabando

Por Luiz Eça

 

Para enfrentar a dura realidade, foi aconselhado um ajuste fiscal, com redução de benefícios sociais e elevação de impostos. Mas Maduro recusou. Como recusou aumentar o preço da gasolina, que poderia trazer uma renda de 12,4 bi. Se na primeira atitude falou o socialista, na segunda falou o político.

 


 

ECONOMIA

 

Projeto de José Serra sobre o Pré-Sal precisa ser observado pela sociedade

Paulo Metri

 

O capital internacional e, no caso específico, as petrolíferas estrangeiras, não se conformam com este resquício de soberania existente na província Brasil. Não tiveram apoio político em 2010, mas, como veem fragilidade política no governo atual, resolveram atacar novamente. Assim, a ordem foi dada para os entreguistas nativos e a guerra não foi considerada vencida. Deste ponto, brotou a atual movimentação.

 


 

CHARGE

 

Grécia...

 

alt

 


Recomendar
Última atualização em Segunda, 13 de Julho de 2015
 

A publicação deste texto é livre, desde que citada a fonte e o endereço eletrônico da página do Correio da Cidadania




Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.


Vídeos

Índios Munduruku: Tecendo a Resistência

Imagem

Documentário sobre as resistências indígenas às hidrelétricas do Tapajós
Leia mais...

A Ordem na Mídia

Eugênio Bucci: “precisamos de um marco regulatório democrático na comunicação”


Há uma falência nos modelos de negócios refletida nas relações trabalhistas, na concentração de propriedade, formação de monopólios e oligopólios e no aparelhamento por parte de igrejas e partidos. Entrevistamos Eugênio Bucci, jornalista e professor da ECA-USP, que afirmou a necessidade de um marco regulatório democrático para fortalecer a democracia no Brasil.
Leia mais...


Brasil_de_fato
Adital
Image
Image
Banner_observatorio
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Diario Liberdade

Espaço Cult

Image
Image
Revista Forum
Joomla Templates by JoomlaShack Joomla Templates