topleft
topright
ISSN 1983-697X

Boletim Diário

Email:
Para assinar o boletim de
notícias preencha o
formulário abaixo:
Nome:

Brasil nas Ruas

Confira os artigos sobre manifestações e movimentos sociais no Brasil.

Arquivo - Artigos

Áudios

Correio da Cidadania, rádio Central 3 e Revista Vaidapé fazem “debate autônomo” sobre as eleições  

Leia mais...
Image

Plinio de Arruda

MEMÓRIA

Confira os textos em homenagem a Plinio


Leia Mais

Plinio em Imagens



Confira a vida de Plínio


Charge


Imagem




Artigos por data

 Nov   December 2016   Jan
SMTWTFS
   1  2  3
  4  5  6  7  8  910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Julianna Walker Willis Technology

Links RSS

Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania

Áudios - Arquivo

Edição 960 – 11/05/2015 a 17/05/2015
Arquivos do Correio
Segunda, 18 de Maio de 2015
Recomendar

 

‘Lulismo vive seu momento mais difícil, mas não podemos ainda decretar seu fim’

Por Valéria Nader e Gabriel Brito, da redação. Colaborou Raphael Sanz


Imagem

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O cenário não poderia ser muito diferente para um governo que se elegeu sob marketing eleitoral mentiroso e que já parece velho. Para complicar, nesse exato momento, dá mostras de nem mesmo estar governando de fato. Para ajudar a compreender essa intrincada conjuntura, o Correio entrevistou André Singer, professor da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas da USP e autor de importantes obras de interpretação sócio-política da realidade nacional, dentre elas, aquelas que se destinam ao entendimento do fenômeno chamado de ‘lulismo’.

 


 

“Prefeitura do Rio não aceita que trabalhador reivindique melhores condições de trabalho”

Por Gabriel Brito e Paulo Silva Junior, da redação

 

Imagem

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Um ano depois de protagonizarem uma vitoriosa greve, os garis do Rio de Janeiro voltaram a cruzar os braços. Basicamente, porque o acordo feito após o fim da paralisação esteve longe de ser cumprido e os garis continuaram a sofrer retaliações. Para voltar ao assunto, o Correio da Cidadania conversou com Celio Viana, representante da categoria que acabou de ser demitido e foi até a Câmara dos Deputados expor a situação.

 


 

POLÍTICA

 

Distritão, apoteose do casuísmo

Por Leo Lince

 

Os partidos políticos, que já não valem grande coisa, valerão menos ainda. Aprovado o “distritão”, a própria ideia de partido perde sentido. Nitidez ideológica e programática, valores que agrupam coletivos de filiados e articulam os representantes eleitos ao cidadão eleitor, compromissos e lealdades capazes de fornecer sentido e previsibilidade ao processo político, tudo isso acaba. Como instrumento ideológico-programático, os partidos estarão definitivamente liquidados.

 


 

Três papas em Cuba

Por Frei Betto

 

O Vaticano acaba de anunciar que, a caminho dos EUA, no final de setembro, o papa Francisco visitará Cuba. O único país socialista da história do Ocidente divide com o Brasil o privilégio de merecer a visita dos três últimos pontífices.

 


 

Lembranças dos anos 1950 e 1960

Por Wladimir Pomar

 

Há sérias razões para acreditar na existência de correntes internas no partido que ainda não se deram conta de que o estão empurrando para um fim semelhante ao do antigo PCB. Se isso ocorrer, talvez seja necessário mais algumas décadas para reerguer um projeto político semelhante ao que foi o PT.

 


 

Enganos da esquerda e o marido da Jandira

Por Plínio Gentil


Está correta a avaliação de que a esquerda pode estar desprezando a queixa justa do marido da Jandira e por isso perdendo a sua possível adesão. Mas que o pau no governo Dilma vem da direita furiosa, isso não podemos desprezar, sob o risco de sermos vítimas de uma virada.

 


 

BRASIL NAS RUAS

 

Ocupações da Izidora, terra banhada com sangue de mártir: também uma questão religiosa

Por Frei Gilvander Luís Moreira

 

Manoel Bahia, 27 anos, coordenador da Ocupação Vitória, dia 31 de março de 2015, em plena semana santa, por volta das 15 horas – mesmo horário em que Jesus Cristo foi crucificado -, foi covardemente assassinado por grileiros de lotes vagos.

 


 

SOCIAL

 

Pelo direito à infância e à adolescência

Por Osvaldo Russo

 

Estado e sociedade precisam atuar juntos. De um lado, agir preventivamente, nos lares, escolas, unidades de saúde e serviços sócio-assistenciais; de outro, atuar no combate à violação dos direitos, em especial à violência sexual, em residências, estabelecimentos comerciais, nas ruas ou na internet.

 


 

O PT vota contra os Trabalhadores

Por Frei Marcos Sassatelli

 

Por que o governo não corrige “excessos” e evita “distorções” em relação aos ricos? Por que são os trabalhadores que devem pagar o preço do ajuste fiscal, mudando (ou reduzindo) direitos adquiridos? Por que o governo não mexe no dinheiro dos ricos, “nem que a vaca tussa”?

 


 

Autonomia e perda de autonomia na luta pela terra: vitória da pós-modernidade?

Por Antonio Júlio de Menezes Neto


No livro (no prelo) que escrevi acerca do MST e do Zapatismo, defendo que as ações diretas são fundamentais em um primeiro momento, mas, no momento posterior, os movimentos passam a ter de administrar suas conquistas dentro do sistema.

 


 

INTERNACIONAL

 

Reino Unido votará saída da União Europeia

Por Marcelo Justo

 

Antes afligida por uma possível “Grexit” (saída grega da Eurozona), a União Europeia (UE) vive agora sob a sombra de uma “Brexit” (saída britânica da Eurozona). O vitorioso primeiro-ministro David Cameron deixou claro que vai realizar o referendo prometido durante a campanha eleitoral, para decidir se o Reino Unido continua na UE ou a abandona.

 


 

Massacre de inocentes

Por Luiz Eça

 

Ações desumanas e criminosas foram praticadas contra civis pelo exército de Israel na última guerra de Gaza. É o que mostra relatório da ONG israelense Breaking The Silence (“Rompendo o Silêncio”), através de testemunhos de mais de 60 soldados e oficiais que lutaram na invasão da faixa. As tropas foram instruídas a considerar os habitantes de Gaza como “ameaças” e a não poupar munição. Qualquer pessoa numa área bombardeada pelo exército não seria tratada como civil.

 


 

ECONOMIA

 

Genocídio dos pobres

Por Paulo Metri

Defendo a tese que vivemos, hoje, o genocídio dos pobres. Com o neoliberalismo, que é o capitalismo exacerbado, os genocídios existem dissimulados e são praticados sutilmente. Não se usa mais gás mortífero, nem bala, nem granada, nem facão e não se bombardeia com aviões e tanques.

 


 

Inversão de papéis e crise estrutural

Por Daniel Feldmann

 

Sobre a terceirização, é preciso mencionar também que o PL, na medida em que trará a compressão de direitos e salários, por certo tende a aumentar no curto prazo as margens de lucro e assim automaticamente melhorar os balanços financeiros de muitas empresas. Dada a dificuldade de valorização sustentada dos capitais na produção real, abre-se aqui a brecha para a distribuição de mais dividendos e de mais valorização fictícia dos capitais acionários de diversas empresas. Neste sentido, a terceirização também namora a financeirização do capital.

 


 

Direitos sociais em 2015, no Governo e no Congresso

Por Guilherme C. Delgado

 

Não obstante a vitória cantada por antecipação, seja na propaganda da FIESP, seja nos ‘noticiários’ da Rede Globo, o Projeto de Lei das terceirizações ainda terá longa tramitação pela frente no Senado; e do que daí resultar, poderá retornar à Câmara (se o Senado modificar o texto original, o que é provável), cabendo em última instância sanção ou veto(s) da presidente. Não é, portanto, uma regra para vigência iminente; muito menos é norma eminente, no sentido ético-social, como se fora uma “página virada” na história, a gosto dos ultraconservadores.

 


 

MEIO AMBIENTE

 

O mundo-cão da mineração

Por Júlio Cesar de Castro

 

Na arrogante determinação de a Anglo American reeditar o processo colonial de economia predatória, aqui acobertada pela Companhia de Desenvolvimento CODEMIG e pela Polícia Militar mineira (até a construção/ reforma da unidade da PM em Conceição do Mato Dentro foi “concedida” pela mineradora), a empresa adquiriu suas terras de modo tenebroso, com todo vício de fraudes processuais e crimes de estelionato contra famílias desassistidas, que há centenas de anos, geração a geração, estavam morando e trabalhando com dignidade por lá.

 

 

 

Recomendar
Última atualização em Segunda, 18 de Maio de 2015
 

A publicação deste texto é livre, desde que citada a fonte e o endereço eletrônico da página do Correio da Cidadania




Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.


Vídeos

Índios Munduruku: Tecendo a Resistência

Imagem

Documentário sobre as resistências indígenas às hidrelétricas do Tapajós
Leia mais...

A Ordem na Mídia

Eugênio Bucci: “precisamos de um marco regulatório democrático na comunicação”


Há uma falência nos modelos de negócios refletida nas relações trabalhistas, na concentração de propriedade, formação de monopólios e oligopólios e no aparelhamento por parte de igrejas e partidos. Entrevistamos Eugênio Bucci, jornalista e professor da ECA-USP, que afirmou a necessidade de um marco regulatório democrático para fortalecer a democracia no Brasil.
Leia mais...


Brasil_de_fato
Adital
Image
Image
Banner_observatorio
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Diario Liberdade

Espaço Cult

Image
Image
Revista Forum
Joomla Templates by JoomlaShack Joomla Templates