topleft
topright
ISSN 1983-697X

Boletim Diário

Email:
Para assinar o boletim de
notícias preencha o
formulário abaixo:
Nome:

Brasil nas Ruas

Confira os artigos sobre manifestações e movimentos sociais no Brasil.

Arquivo - Artigos

Áudios

Correio da Cidadania, rádio Central 3 e Revista Vaidapé fazem “debate autônomo” sobre as eleições  

Leia mais...
Image

Plinio de Arruda

MEMÓRIA

Confira os textos em homenagem a Plinio


Leia Mais

Plinio em Imagens



Confira a vida de Plínio


Charge


Imagem




Artigos por data

 Nov   December 2016   Jan
SMTWTFS
   1  2  3
  4  5  6  7  8  910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Julianna Walker Willis Technology

Links RSS

Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania Correio da Cidadania

Áudios - Arquivo

AumentarDiminuirVoltar ao original
Estados Unidos: entre 100 anos de uma grande guerra e outras menores Imprimir E-mail
Escrito por Virgílio Arraes   
Sexta, 26 de Setembro de 2014
Recomendar

 

 

Nos últimos dias, os Estados Unidos empreenderam mais uma ação militar no Oriente Médio, ao bombardear alvos vinculados a milícias integristas, de extração sunita, cuja atuação estende-se mais e mais no Iraque e Síria.

 

Os ataques não foram  precedidos de autorização do Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas, ainda que Washington alardeie possuir o apoio político de dezenas de países. Até o momento, nenhum dirigente da América do Sul se dispôs a auxiliar a nova empresa, mesmo sem ser de maneira militar.

 

O presidente Barack Obama mencionou no dia 24 último a solidariedade de mais de quarenta governos, ao passo que horas antes o Departamento de Estado havia se referido a sessenta, sem considerar a postura favorável da Liga Árabe e da União Europeia.

 

Desde o encerramento da confrontação bipolar, a Organização das Nações Unidas, a não ser por breves exceções, como durante o transcorrer da Primeira Guerra do Golfo, tem sido valorizada – nem mesmo sua reforma se debate de modo consistente entre as principais potências.

 

Na prática, os norte-americanos restabeleceram o costume do diretório, ou seja, o da consulta a potências próximas, fossem aliadas – vínculos formais – ou alinhadas – laços informais –, para atuar em situações emergenciais de seu interesse.

 

Ressalvadas as devidas proporções, existe uma série de coincidências entre a liderança política dos dias atuais e a de um século atrás na sociedade norte-americana. Conduz os Estados Unidos um presidente do Partido Democrata como naquele período, tendo ambos obtido a reeleição.

 

Tanto naquela época como hoje o supremo mandatário da Casa Branca procede administrativamente do meio universitário, embora um deles, Wilson, tenha ido além de professor, ao chegar à reitoria da renomada Princeton – uma das oito da chamada Liga de Hera.

 

Em um intervalo de noventa anos, os dois presidentes foram galardoados com um prêmio Nobel da Paz, mesmo que tenham sido governantes belicosos, a despeito da falta de vivência em assuntos castrenses.

 

A Woodrow Wilson destinou-se-lhe a almejada distinção em virtude do esforço para constituir um organismo global permanente: a Liga/ Sociedade das Nações, de curta e malfadada existência, enquanto a Barack Obama a justificativa foi mais vaga, ao aludir o Comitê Nobel Norueguês ao fortalecimento da diplomacia internacional.

 

A diferença entre um e outro dirigente perante a história é o êxito de Woodrow Wilson diante da guerra maior, a despeito do revés anterior no México durante a malograda tentativa de capturar Pancho Villa, e o fracasso de Barack Obama em frente de dois conflitos de médio porte herdados, apesar do sucesso em eliminar Osama Bin Laden, ainda que o procedimento mais adequado fosse conduzi-lo a julgamento em solo estadunidense.

 

Virgílio Arraes é doutor em História das Relações Internacionais pela Universidade de Brasília e professor colaborador do Instituto de Relações Internacionais da mesma instituição.

Recomendar
Última atualização em Qui, 02 de Outubro de 2014
 

A publicação deste texto é livre, desde que citada a fonte e o endereço eletrônico da página do Correio da Cidadania




Para ajudar o Correio da Cidadania e a construção da mídia independente, você pode contribuir clicando abaixo.


Vídeos

Índios Munduruku: Tecendo a Resistência

Imagem

Documentário sobre as resistências indígenas às hidrelétricas do Tapajós
Leia mais...

A Ordem na Mídia

Eugênio Bucci: “precisamos de um marco regulatório democrático na comunicação”


Há uma falência nos modelos de negócios refletida nas relações trabalhistas, na concentração de propriedade, formação de monopólios e oligopólios e no aparelhamento por parte de igrejas e partidos. Entrevistamos Eugênio Bucci, jornalista e professor da ECA-USP, que afirmou a necessidade de um marco regulatório democrático para fortalecer a democracia no Brasil.
Leia mais...


Brasil_de_fato
Adital
Image
Image
Banner_observatorio
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image
Image

Diario Liberdade

Espaço Cult

Image
Image
Revista Forum
Joomla Templates by JoomlaShack Joomla Templates