Edição 652

  • Vigilância Sanitária não está preparada para eventual risco de pandemia

    anvisa.jpgNa semana em que explodiu o surto da gripe suína (agora denominada gripe-A), que coloca em estado de alerta e medo todo o mundo, o Brasil se depara com uma situação que pode se tornar alarmante diante de uma eventual pandemia.

  • Martinelli e a virada à direita no Panamá

    bandeira_panama.jpgPara responder a pergunta sobre uma virada à direita, pode-se examinar a composição do grupo que o acompanhou na campanha, agora é cotado para integrar seu gabinete.

  • Insegura segurança

    xilocidaderostos.gifDe tanto querer segurar, prever, prevenir, a insegurança gera novos problemas, novos perigos, novos pavores, novas desconfianças, novas insônias.

  • Literatura e experiência de Deus

    pilha_de_livros.jpgA experiência de Deus antecede e ultrapassa a escrita. No entanto, o pouco que dela se sabe é por meio da escrita; raras vezes por experiência pessoal.

  • Preocupações amazônicas

    floresta_amazonica2.jpgSem a Amazônia, viramos uma insignificante república subtropical. A Amazônia nos confere o direito a tratamento VIP no cenário mundial.

  • A gripe e a indústria

    homem_interrogacao.jpgUma década de advertências dos cientistas fracassou em garantir transferências de tecnologia viral experimental aos países situados na rotas pandêmicas mais prováveis.

  • A corrupção e sua tipologia

    bem_versus_mal.jpgA prevalência da ética na política não se garante pela existência do "grande líder", virtuoso, nem pela "reserva moral" de quem pretensamente possua o seu monopólio.

  • Concessão de rodovias sem estudo ambiental é parte de PAC ‘obreiro’ e ‘eleitoreiro’

    lulaperfil.jpgCarro-chefe da campanha presidencial de 2010, o PAC inclui em seu roteiro de obras diversas rodovias país afora, a fim de atender às mais variadas demandas e lobbies.

  • Os neoescravocratas

    canavial.jpgÉ espantoso a UNICA achar normal o trabalho escravo e que, no seu combate, o governo exorbita de suas funções, o MP se excede e o Judiciário promove justiça de classe.

  • A França no Brasil e o humanismo

    bandeirafranca.jpgÉ uma alegria celebrar o lançamento do Ano da França no Brasil. Cultura francesa e brasileira estiveram sempre próximas, trocaram abraços, fertilizaram-se mutuamente.

  • A esquerda e a crise

    dinheirohomemmoeda.jpgO mais provável é que ocorra um aprofundamento da fusão financeira entre a China e os EUA, e esta integração será decisiva para a superação futura da crise econômica.

  • Rever o que foi mudado

    binoculoscolor.jpgÉ o momento de discutir as revisões que devem ser efetuadas na Constituição para preparar o país para o futuro.

  • Petróleo: restaure-se a moralidade

    plataforma_petroleo.jpgCom a descoberta do pré-sal, graças à Petrobrás, nossa riqueza é, no mínimo, cinco vezes maior que a que tínhamos. Assim, a ganância das empresas estrangeiras está cada vez maior.

  • Degeneração total dos valores

    lula_embraer.jpgNão seria mais sério mudar o enunciado do seu "C", trocando "Comunista" por "Capitalista"? Quem te viu... quem te vê!

  • O supremo

    stf.jpgO Judiciário vive seu inferno astral. A lei é imparcial; sua aplicação nem sempre. Presume-se, até última instância, a inocência de endinheirados, políticos e ex-políticos.

  • O risco de escolhas democráticas e o socialismo

    emprego_parafuso.jpgUns querem alcançar o socialismo sem qualquer reforma democrática no capitalismo. Outros rebaixam o socialismo a qualquer reforma democrática.
  • Da importância da coerência

    Ora, sendo o PSOL um partido socialista, não pode compor sua lista de candidatos com o critério do número de votos que estes poderão trazer para a legenda, independentemente de suas posições ideológica. A presença do delegado Protógenes no palanque da Força Sindical ou demonstra sua rejeição à proposta classista ou revela uma ignorância política incompatível com o início da carreira política já com a enorme responsabilidade de exercer um cargo eletivo em representação dos socialistas.

  • MP 458 sela a contra-reforma agrária do governo Lula

    desmatamento.jpgEsta opção revela que o INCRA não vai solicitar a reintegração de posse de suas terras griladas, como manda a lei, mas vai tentar garanti-las para o agrobanditismo.