Edição 632

  • A marola que virou onda: os primeiros efeitos da crise econômica no Brasil

    brasil_crise.jpgA intelectualidade pós-moderna e pós-crítica está perplexa com a volta daquela que na verdade nunca saiu de cena: a luta de classes

  • PPL: novo partido de esquerda?

    homem_interrogacao.jpgPara aqueles que imaginam que os "revolucionários" do MR-8 estão rompendo brigados com o PMDB ao qual ainda pertencem, esqueçam. Sem radicalismos, companheirada.

  • Obama e a nova América Latina

    barack_americalatina.jpgA vida e o trabalho de Obama nas comunidades pobres de Chicago como líder e organizador comunitário deverão ser importantes na formatação de suas políticas relativas à América Latina de hoje.

  • Mundo-cão capitalista

    no_consumismo.jpgVolta e meia à focinheira birrento, insone crônico / Este ser compulsivo por capital, capital transnacional / Capital especulativo, acumulativo... insocial!

  • Revitalização do centro de SP premia obras faraônicas e especulação imobiliária

    centrofaraonico_sp.jpg Há algo de errado no ar. Ou estamos na Suíça, e ninguém foi avisado, ou há dinheiro sendo jogado fora, em nome de uma suposta "revitalização" do centro que cria obras faraônicas.

  • Fel e mel do Mabel

    dinheirohomensapoiados.jpgA propósito de simplificar o sistema de tributação, destrói-se a fortaleza de recursos para a seguridade social. Pretende-se a substituição do PIS, da COFINS e da CSLL por um novo imposto da União, o IVA–Federal.

  • E os Fundos de Previdência?

    numeros.jpgTemos obrigação de construir um sistema público de previdência financiado pelo trabalho dos brasileiros em idade ativa – sem ilusões com os mecanismos de especulação financeira.

  • Democracia tutelada

    cobra_circulo_vicioso.jpg"Nunca houve na história do Brasil" eleição municipal mais cara. Tal círculo vicioso só pode ser quebrado pela adoção do financiamento público para as campanhas eleitorais.

  • A atitude da esquerda socialista diante da crise

    foicemartelo2.jpgO centro do perfil político e da sua ação deve estar focado na resposta e no enfrentamento aos desdobramentos da crise. O centro da atividade deve ser enfrentar o que é estrutural.

  • Direitos Humanos e respeito à dignidade

    direitos_humanos.jpgA celebração dos 60 anos de sua declaração traz a oportunidade de uma séria reflexão. É fácil perceber que as liberdades nela enunciadas não se encontram garantidas para todos os povos.

  • Emissões de CO2: é possível contê-las em curto prazo ?

    caraacara.jpgA presença de gases dissolvidos nos reservatórios seria bem menor se na construção das hidrelétricas fossem removidos madeira e resíduos orgânicos para locais não inundáveis.

  • Conflitos e tensões na América do Sul afetarão a cúpula convocada pelo Brasil

    americalatina_blind.jpgO governou Lula convocou uma cúpula presidencial da América Latina e Caribe para analisar os caminhos da integração continental e discutir sobre a crise global.
  • Dormir mocinho e acordar bandido

    plantacao2.jpgPara pequenos produtores, cujo tamanho do lote não supere 100 hectares, a porcentagem de reserva legal deve ser reduzida. Tal redução traria para a legalidade milhares de assentados.

  • Discurso à parte, preservação ambiental continua sendo preterida por agronegócio

    desmatamento2.jpgEm um ano recheado de discussões em torno de planos, leis e medidas de conservação da Amazônia, chega a impressionar a quantidade de emendas e projetos de lei que vão em direção oposta as políticas de preservação.

  • Por que só o Petróleo?

    petroleo_dinheiro.jpgA água também é nossa. Entretanto, está sendo entregue às empresas privadas nacionais e internacionais em várias dimensões. As florestas são nossas; os minerais são nossos.

  • Qual dos Obamas vai para a Casa Branca?

    obama_bottom.jpgNão se notam muitas mudanças entre as posições de Obama em política externa. É preocupante a promessa de não mexer no orçamento militar nos próximos anos.

  • Marx, Marx & Marx

    ft_karl_marx.jpgO arcebispo de Munique, Reinhard Marx, lançou um livro intitulado "O Capital". "Marx não está morto e é preciso levá-lo a sério", disse o prelado no lançamento.

  • A crise e as oportunidades brasileiras

    apoteose_lula2.jpgA crise do capitalismo desenvolvido é, como afirmamos em outros comentários, tanto uma ameaça ao desenvolvimento do Brasil, quanto novas possibilidades e oportunidades para o país.

  • Direito ao Silêncio

    justicagrita.jpgQuestão relevante é saber a partir de que momento tem o acusado o direito de ser informado sobre a garantia constitucional do direito ao silêncio.

  • O Paraguai dos Tempos do Doutor Francia

    bandeira_paraguai.jpgFoi o livro Genocídio americano:a Guerra do Paraguai, de Júlio José Chiavenatto, de março de 1979, que modificaria o imaginário da população brasileira sobre o conflito, ainda em pleno regime ditatorial.