0
0
0
s2sdefault

altIndependente do resultado, pensei de homenagear a copa do mundo, com a crônica que escrevi anos atrás, quando o Internacional, de Porto Alegre, ficou campeão mundial. Daquela vez, o desconhecido jogador Gabiru fez o gol da vitória. Segue a crônica.

0
0
0
s2sdefault

altDitadura e democracia no Brasil, de Daniel Aarão Reis, constrói-se como encadeamento crescentemente ininteligível de epifenômenos apresentados como fatos sociais e políticos essenciais.

0
0
0
s2sdefault

altNo último dia 19 de outubro, há pouco menos de dois meses, estreou no Cinesesc da rua Augusta, pela 37a Amostra Internacional de Cinema de São Paulo, o documentário Verdade 12.528, dirigido por Paula Sacchetta e Peu Robles, entrevistados pelo Correio. O filme conta algumas das piores atrocidades cometidas pela ditadura militar brasileira.

0
0
0
s2sdefault

altO caráter anti-cognitivo histórico, divergente do materialismo histórico, visa negar o desenvolvimento justo da sociedade. É avesso a considerar o fator trabalho como principal categoria do conhecimento histórico.

 

0
0
0
s2sdefault

altNo ensejo do cinquentenário de 31 de março de 1964, uma mais do que oportuna reedição dessa obra, pelas editoras Expressão Popular e Fundação Perseu Abramo.

0
0
0
s2sdefault

altNesta segunda parte do artigo de Angela M. de Almeida, em prosseguimento ao comentário sobre o livro de Leonardo Padura “O homem que amava os cachorros”, são expostos os fatos conhecidos sobre os principais participantes do assassinato de Trotsky.

0
0
0
s2sdefault

altA sociologia positivista e suas formas neopositivistas passaram a disputar com o materialismo histórico dialético o caráter de verdadeira ciência social, e o enfoque positivista da história limitou-se a descrevê-la com suposta imparcialidade, sem participar de sua transformação.

0
0
0
s2sdefault

altHoje, tudo que era para ser público – terra, água, ar, florestas, rodovias, saúde etc. – tornou-se privado. E tudo que era para ser privado – intimidade das pessoas, sua vida sexual particular, sua vida familiar etc. – tem que ser público.

0
0
0
s2sdefault

altNuma cidade tão segregada e guetificada, a Virada é sinônimo de encontro. Fico me perguntando: a que serve uma leitura da Virada focada apenas na violência?

 

0
0
0
s2sdefault

altNeste artigo dividido em duas partes, a historiadora Angela Mendes de Almeida comenta a narrativa do livro recém-lançado e recupera fatos históricos que culminaram no assassinato de Trotsky.

0
0
0
s2sdefault

Lamentavelmente, o neofreudismo estancou na constatação do imediatamente manifesto, vendo alienação mais como estado psicológico do indivíduo, amortecendo a altcapacidade crítica da sociedade capitalista. Resultou em crítica moralista.

0
0
0
s2sdefault

altÉ uma peça exemplar, antológica, que reproduzo quase na íntegra, poupando os leitores de algumas passagens que, até por serem dispensáveis, tirariam o impacto do principal: o raio-X de um país profundamente injusto e desumano.