0
0
0
s2sdefault
IdéiasNão bastasse Chávez, Kirchner e Evo Morales, surge mais um presidente latino-americano atormentando Bush.
0
0
0
s2sdefault
EUATeria o governo americano condições políticas para poder trocar os investimentos na defesa por investimentos na infra-estrutura, como o bem estar do país exige?
0
0
0
s2sdefault

George W. BushBush espera que, até setembro, a lei do petróleo seja aprovada pelo parlamento iraquiano. Afinal, foi para isso que os americanos conquistaram o país, sacrificando, até agora, 3.700 soldados.

0
0
0
s2sdefault
RemédiosPara cada teste de cada droga nova, são necessários cerca de quatro mil voluntários. O problema é que pouco mais de um entre vinte norte-americanos aceitam participar. O mesmo não acontece na África e na Ásia.
0
0
0
s2sdefault

bushnero.jpgSarkozy rejeitou expressamente a postura crítica do seu antecessor, Jacques Chirac. Agora a palavra de ordem é “Aliança com os Estados Unidos, não alinhamento”.

0
0
0
s2sdefault
EUA

Para não perder votos certos, Hillary e Obama, no que se refere ao Oriente Médio, praticamente referendam a política pró Israel do presidente Bush.

0
0
0
s2sdefault
LíbanoBush buscou reaproximar-se do governo do sunita Fued Siniora, doando 1 bilhão de dólares ao país que ajudara a destruir. E mais: co-organizou uma reunião de países em Paris, que prometeram quase 8 bilhões para a reconstrução do Líbano.
0
0
0
s2sdefault
PolôniaA Polônia mantém tropas no Iraque e no Afeganistão e é acusada de abrigar prisões secretas da CIA, onde suspeitos de terrorismo, seqüestrados em outros países, passam por interrogatórios e torturas.
0
0
0
s2sdefault

chavezcolorido.jpgAntes de julgar se Chávez é democrata ou não, convém pesar o que ele tem feito por seu povo.

0
0
0
s2sdefault
IrãO presidente sabe que o governo xiita iraquiano, hoje seu aliado a contragosto, uma vez livre, vai se voltar para o governo xiita iraniano.
0
0
0
s2sdefault
eua bush torre arma.gifA partir desse texto, o colunista Luiz Eça escreve uma série de 4 artigos sobre a nova estratégia americana no Oriente Médio e seus resultados.
0
0
0
s2sdefault
Banco MundialOs países desenvolvidos não têm nenhum interesse em que outros países se desenvolvam. Eles não querem concorrentes, que cresçam e venham a produzir em condições de ameaçar suas posições nos mercados.